14/02/2012

Resenha - A Batalha do Labirinto


Nome: A Batalha do Labirinto
No Original: The Battle of Labyrinth
Autor (a): Rick Riordan
Páginas: 392
Editora: Intrínseca
Comprar: Submarino - Siciliano - Saraiva - Cultura
Sinopse: O Olimpo está em perigo. Cronos prepara um retorno triunfal. O primeiro passo de suas tropas será atacar e destruir o campo de treinamento dos heróis, filhos de deuses com mortais que combatem na linha de frente em defesa dos olimpianos. Para assegurar que o Acampamento Meio-Sangue não seja invadido, Percy Jackson, o cíclope Tyson, Annabeth e o sátiro Grover são destacados para uma importante missão: deter as forças de Cronos antes que se aproximem do acampamento. Para isso, será preciso sobreviver ao emaranhado de corredores do temido Labirinto de Dédalo - um interminável universo subterrâneo que, a cada curva, revela as mais aterrorizantes surpresas.

Penúltima resenha da série Percy para o projeto de releitura "Percy & Harry" e já estou triste por estar tecnicamente no fim. Vou contar o porquê. Quarta passada após postar a resenha do livro três a pessoa pegou esse volume e simplesmente comeu o livro. Li das 19 horas até às 23 horas e logo em seguida peguei o último da série e li de meia noite as três e pouca da manhã. Um despropósito. Descumpri as regras do projeto (ler um por semana), mas foi muito bom. A Batalha do Labirinto é um dos meus favoritos na série. A narrativa aqui simplesmente mergulha na mitologia grega e é maravilhoso.

Pela primeira vez temos Anabeth liderando uma missão e temos Rachel de volta. Ao descobrir uma entrada para o labirinto de Dédalo no meio da floresta do acampamento todos temem uma invasão das forças de Cronos. Para impedir isso Quíron manda Anabeth consultar o oráculo. Assim ela, Percy, Tyson e Grover partem em uma missão desesperada para encontrar a oficina de Dédalo a fim de convencê-lo a entregar o fio de Ariadne, único meio capaz de guiar a tropa de Luke até a saída do Labirinto no acampamento. O local é extenso e muda de lugar, é habitado por monstros e criaturas terríveis. Qualquer descuido pode levar a loucura e a missão deles baseia-se apenas no conhecimento de Anabeth sobre a história do lugar. Passando por precipícios escuros, e indo de um canto ao outro do país em menos de dias o tempo começa a mexer com eles. Da fuga de um centimano da prisão de Alcatraz, por um encontro com a deusa Hera até a fazenda de Geryon o livro é muita ação. É crescente o ritmo da série, a cada livro a narração ganha em desenvoltura e cenas de ações mais complexas. Para completar aqui temos um Percy ciente do que é capaz de fazer, desde limpar a fazenda do demônio até a explosão do monte Santa Helena.

Outro fato que gostei nesse livro foi a investida na história de Dédalo e os paralelos criados. Ao passar do livro fomos acompanhando passo a passo a história de Dédalo. As asas que ele fez para o filho Ícaro, o menino que ele matou e o castigo de Atena. Tudo isso estava fortemente ligado à resolução do livro. Não só o fim, mas ao andamento da história. Além disso, ainda temos a resolução do caso Pã e a pista principal do caso de Rachel, o porquê dela ver tanto através da névoa. O modo como no fim ela guiou Percy e os outros detalhes serão importantes para o fim da série. Apesar de não gostar dela, gostei da solução. Gostei muito do Nico e até de Clarisse nesse livro. A batalha foi uma das melhores e quase ri do grito de Grover. Não casa a imagem que tenho dele com o tal grito.

Há essa altura com Nico cheio das artimanhas e Percy a passos lentos já estava ficando desconfiada. Sinceramente depois de ver Percy, Nico e um pouquinho de Thalia em ação, começo a achar que seria bem legal ser filha de Hades, tirando o fato de ser excluído de quase tudo. Enfim, já estou fugindo do assunto. A questão é que no quarto livro isso era de se esperar. A visita inesperada de Poseidon naquele momento do livro, que não vou contar quando porque é spoiler para quem não leu, foi bem inesperada, estranha para falar bem a verdade.

Esse foi talvez o volume que Riordan mais intricou a história do mito com a trama. A inventividade de Dédalo para esse volume casou perfeitamente com o momento da guerra contra Cronos. A edição da Intrínseca continua a mesma, sem mais e nem menos. Erros se tiveram passou batido, o ritmo é tanto e viciante que não percebi. É uma pena que ainda falta tanto para esse volume virar filme e não sei bem o que vai sobrar da trama original dos livros, mas estou curiosa sobre a ambientação do Labirinto. Leiam logo os livros e comentem. Semana que vem tem a última resenha da série no projeto.

Percy Jackson & Os Olimpianos - Rick Riordan

15 comentários:

  1. Estou lendo outro livro agora, mas tô doida pra ler logo O mar de monstros e ir atrás dos outros dois que faltam eu comprar, a história de Percy só me parece que fica ainda mais interessante e envolvente, você mesmo disse que devorou os livros! haha' Aconteceu comigo no primeiro, acho que irá acontecer no segundo também. Enfim, estou muito atrasada nessa saga mesmo :/

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Terminei de ler "A piramide vermelha " ontem e hoje começo "O trono de fogo", mas assim que terminar começo a série do Percy, talvez na proxima resenha eu ja tenha lido, vamos ver! Tô adorando Rick Riordan, me divertindo bastante a cada pagina.
    Como eu tinha falado, o 2º volume falta aqui em casa... Comprei na net mas vai demorar pra chegar... Será que na biblioteca eu acho??? Não sei, vou tentar...

    ResponderExcluir
  3. Apesar de gostar muito de uma ou outra parte do livro no geral esse é meu menos preferido. Também não gosto muito da Rachel.
    O que gostei muito nesse livro foi do Nico com seus poderes de filho de Hades. Acho ele incrível!

    ResponderExcluir
  4. Totalmente compreensível quebrar as regras nesse caso. rs

    ResponderExcluir
  5. A ação desse livro é realmente maravilhosa.
    A passagem com Pan é linda e com uma mensagem muito profunda!!

    E a inserção de Dédalo deu um toque de mestre à história.
    Realmente é um dos melhores da série...
    Abraços
    Gabi

    ResponderExcluir
  6. Nossa , adoro esse livro :) Tio Rick é um dos meus escritores favoritos , com toda certeza, ele é simplesmente demais .
    parabéns pela ótima resenha !!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, voce ja esta acabando a sua releitura de Percy Jackson? Eu nem li a primeira vez ainda. rs.
    Mas, com todas as suas resenhas, sinto muita vontade de poder ler logo.

    bjs.,

    http://booksandmuchmore.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Estou na metade desse livro. Aproveitei o dia e li um pedação! Ah eu gostei muito do livro, do Nico e do labirinto, mas achei Anabeth mais chata nesse e também teve menos humor. Acho que é a tensão entre ela e Percy. O que eles tinham de crescer? Era obvio sim, mas antes eles eram mais bem humorados. hah bjo ótima resenha

    ResponderExcluir
  9. Tá, a gnt deixa vc desrespeitar as regras...rsrs Eu já decidi que vou ler a série, mas tem taaaantos livros na frente!!!

    ResponderExcluir
  10. Reli a série de Percy Jackson no meio do ano passado e realmente o enredo é muito bom. Achei sensasional a ideia de Rick Riordan de misturar a época atual com mitologia grega.
    Realmente são muitas coisas trançadas em A Batalha do Labirinto e o resultado foi ótimo, só senti falta do humor presente nos outros livros da série, inclusive no Último Olimpiano.
    Aliás, sua resenha ficou muito boa. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  11. Giuly 21 de setembro de 201221 de setembro de 2012 11:29

    Comecei a ler a série e amei não consigui parar até terminar!!!

    ResponderExcluir
  12. Oi..

    Ainda tenho que começar a ler essa série, mas quando vou começar outro livro surge e prende a minha atenção.. Mas, até o fim do ano tenho por meta ler essa série, vamos ver se consigo.

    ResponderExcluir
  13. AAAAAAAAAAAAAAA...

    Eu amo o Percy e a Batalha do Labirinto foi o meu preferido... Apesar de muita gente achar que é o mais fraco eu gostei muito da históriae principalmente da participação da Anabeth nela (sou fã de carteirinha)

    Thais Vianna
    @dathais

    ResponderExcluir
  14. Eu li os dois primeiros livros e amei. Quero terminar de ler a série, mas estou esperando meu sobrinho me emprestar os livros. Amei sua resenha. Muito boa mesmo. Bjs.

    ResponderExcluir

Respeito é bom e eu gosto.
Não use palavras grosseiras, seja educado.
O blog é um lugar amigável, aja de acordo.