26/05/2014

Resenha - Só Depende de Mim


Nome: Só Depende de Mim
No Original: Up To Me
Autor (a): M. Leighton
Tradutor (a): Alice França
Páginas: 272
Editora: Record
Comprar: Submarino - Siciliano - Saraiva - Cultura
Sinopse: Depois de ter cedido aos encantos do impulsivo Cash Davenport, Olivia só pensa em aproveitar todos os instantes com ele. Porém, um segredo do passado da família Davenport pode colocar tudo a perder. Homens perigosos estão à espreita, esperando o momento certo para recuperar algo que o bad boy mantém guardado a sete chaves, a prova capaz de salvar a vida de seu pai e de colocar em risco todos a seu redor, principalmente Olivia. A jovem corre perigo, e Cash não medirá esforços para acabar de vez com essa ameaça.

Para quem demorou meses até ler o primeiro por causa de dúvidas relacionadas ao gênero real da trilogia, acabei lendo a continuação bastante rápido. O primeiro livro foi uma surpresa, tanto pelo tom da autora, como pela trama e pelos personagens, sendo que o final deixava uma ponta tensa no ar e já pensando nesse detalhe não resisti em solicitar o livro. Em Só Depende de Mim, Leighton dá sequência a história de Olívia e Cash revelando novos segredos impossíveis do passado que entrelaçam na história de forma crível, tornando o livro em algo mais do que romance. Uma história de ação, perda, traição e amor.

Olivia ainda não acredita que resolveu dar uma chance ao amor com Cash. Faz poucos dias do acerto que eles tiveram e o futuro parecia promissor quando depois de fechar a boate, ao chegar em casa de carona com Cash, Olivia percebe que o apartamento foi revirado. Ouve uma luta e Marissa, sua prima, não está em lugar nenhum. Cash sabe o que aconteceu. As mesmas pessoas que explodiram o barco onde sua mãe e seu irmão estavam, destruindo sua família e colocando seu pai injustamente atrás das grades estão de volta. Eles sabem que Cash não é mais sozinho, que Olivia é a moeda de troca perfeita para ser usada, porém o problema é que a máfia levou a garota errada e Marissa pode ficar em maus lençóis quando eles descobrirem que ela não é Olívia. Disposto a fazer qualquer coisa para manter Olívia a salvo, Cash vai visitar seu pai na cadeia e com a ajuda de dois anúncios feitos no jornal, Cash poderá enfim mover as rodas de um plano que o pai vem organizando nos últimos sete anos desde o acidente. Contando com a ajuda de Gavin, um velho amigo, Cash terá uma grande surpresa quando uma das pessoas que o pai dele mandou chamar aparecer. Um fantasma do passado, sua sombra e o seu pedaço que jurava ter pedido. Trazendo mágoas e dores acumuladas Nash, seu irmão, ao lado de Gavin e Cash farão de tudo para manter os livros negros que a máfia tanto precisa e também resgatar Marissa. Mas será que Cash vai conseguir equilibrar esse perigoso jogo que tem em mãos? E finalmente irá ceder inteiramente seu coração a Olívia ao mesmo tempo que a mantém a salvo de sua vida familiar partida e destruída?

É a partir dessa premissa que Leighton desenvolveu a trama desse segundo livro da trilogia Bad Boys. Investindo em mais trama do que apenas cenas quentes e romance, a autora surpreende o leitor que esperava um ritmo parecido com o do primeiro livro, com intrigas e ação, trabalhando temas familiares, perdas e dores em busca de desconstruir para o leitor seu protagonista. Leighton trabalha novas nuances para Cash, tornando o desenvolvimento da história mais interessante à medida que vemos o personagem lutar contra a avalanche de acontecimentos que vem mudando sua vida desde que conheceu Olívia.

Falando em Olívia, a personagem fica um pouco à margem de todo o desenvolvimento de Cash, porém de uma forma positiva. É interessante ver que a autora foca mais em seu personagem masculino nessa continuação, nos mostrando que sua trilogia tem mais a ver com entender a personalidade e os complicados sentimentos que formam Cash. Eu gostei muito dessa abordagem porque é raro encontrar no gênero new adult um protagonista masculino bem explorado, com feridas e emoções fortes, reais, que levam o leitor a mudar sua percepção sobre ele. Cash a cada capítulo se mostrou um personagem mais interessante e seu amor por Olívia se tornou mais palpável e real. O fim deixa em aberto conflitos fortes, questões que Cash terá de enfrentar se quiser ter uma vida toda nova ao lado de Olívia e também de seu irmão gêmeo Nash. Aliás, vale lembrar que a surpresa em torno de Nash foi uma ótima reviravolta, que só contribui para o desenvolvimento de Cash. Fiquem curiosos!

Leitura rápida, instigante e que cativa a cada capítulo. A trama familiar de Cash provou ser um ótimo pano de fundo para o amor dele com Olívia, acrescentando temas interessantes a relação dos dois e dando a autora ótimas possibilidades para desenvolver seu protagonista. M. Leighton acerta tanto na narrativa que mescla um ritmo rápido com passagens interiores quanto nas escolhas que faz para cada personagem. A edição da Record está ótima, desde a fonte até a escolha da capa. Adoraria ver uma adaptação da trilogia, tanto pelo clima, pela ambientação quanto pela trama. Recomendado a todos que procuram um new adult com mais camadas além do romance. Drama familiar, personagens que crescem com seus tormentos, que por sua vez são realistas. Romance, ação e sacrifícios. Leiam e se surpreendam! Até mais!

Bad Boys - M. Leighton
1- Louca Por Você 
2- Só Depende de Mim
3- Tudo Por Nós Dois

5 comentários:

  1. A leitura parece ser recheada de romance, ação e até um suspense nas entrelinhas. Gostei muito da resenha!

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não li o primeiro livro, e como adoro este genero claro que pretendo lelo.
    Bom fica dificil comentar na resenha ja que ainda não li o primeiro rs, mas vamos lá,
    eu fico feliz em saber que neste segundo a autora não deixou a peteca cair e continuou no ritimo e o livro continua tão bom quanto o primeiro, e acho legal a autora ter dado mas enfase no personagem masculino, geralmente neste genero aparece mais as 'meninas'.
    Acho as capas da serie lindas, mesmo tendo rostos e não gostando muito disso, espero ler em breve,
    beijos.

    ResponderExcluir
  3. A Marissa consegue ser resgatada no final?

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nenhum livro dessa trilogia, parece ser ótima, fiquei bastante interessada em ler!

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler essa trilogia depois de saber que é new adult mesmo, parece boa a história ainda mais que não tem só romance, a trama parece tensa com esse negócio de máfia e tal. Adorei a resenha! Beijo para ti!

    ResponderExcluir

Respeito é bom e eu gosto.
Não use palavras grosseiras, seja educado.
O blog é um lugar amigável, aja de acordo.